Salles é suplente na Câmara e pode assumir mandato em caso de afastamento de deputado do Novo

Mossoró amplia vacinação contra Covid para pessoas a partir dos 42 anos
28 de junho de 2021
Em Natal, mulher é condenada por pegar aposentadoria de idoso e contrair dívidas em seu nome
28 de junho de 2021

Salles é suplente na Câmara e pode assumir mandato em caso de afastamento de deputado do Novo

Ouça a matéria aqui!

Ex-ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles pode não ficar muito tempo longe da vida política. Ele é primeiro suplente de deputado federal por São Paulo, posição que conseguiu ao disputar as eleições de 2018 pelo Novo.

Ele foi expulso em 2020 do partido, que se opunha à condução da pasta pelo ministro. No entanto, como ele foi retirado por decisão da sigla, o entendimento é o de que a suplência continua com ele pela chamada “justa causa”.

“Com a jurisprudência atual, ele permanece na suplência. Ele não saiu do partido, não houve movimento voluntário. Foi decisão do Novo”, diz Marcelo Weick, especialista em direito eleitoral e professor da UFPB.Salles mantém o direito mesmo se decidir se filiar a outro partido.

Na bancada, por exemplo, Vinicius Poit (SP) tem intenção de concorrer ao governo do estado em 2022. Caso ele decida se afastar do mandato para a disputa (o que não é obrigatório) ou deixe o cargo por qualquer outro motivo, o ex-ministro assume.

Visualizações: 35

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *