Mossoró realiza mutirão de vacinação contra a gripe neste sábado (26); veja locais

Guedes entrega a Lira projeto com mudanças no Imposto de Renda
25 de junho de 2021
‘Superpedido’ de impeachment de Bolsonaro, que une esquerda e direita, será apresentado dia 30
25 de junho de 2021

Mossoró realiza mutirão de vacinação contra a gripe neste sábado (26); veja locais

Mossoró realiza mutirão de vacinação contra a gripe neste sábado (26) — Foto

Ouça a matéria aqui!

Até agora somente 30% do público alvo da campanha foi imunizado no município. Dez unidades básicas de saúde estarão abertas para atender esse público.

Mossoró vai realizar neste sábado (26) um mutirão para vacinar os grupos prioritários incluídos na campanha de vacinação contra a gripe. Segundo a coordenação do programação de imunização do município, só cerca de 30% do público alvo foi imunizado até o momento.

Dez unidades básicas de saúde estarão abertas para atender esse público.

A meta do Ministério da Saúde é vacinar pelo menos 90% do público alvo da campanha. Segundo o coordenador do programa de imunização em Mossoró, Etevaldo de Lima, nos últimos anos o município tem alcançado essa meta. Mas em 2021, das cerca de 110 mil pessoas incluídas no público alvo, apenas 30% tomaram a vacina, segundo dados do RN Mais Vacina.

“Sabemos da importância da vacinação contra a Covid- 19. O Ministério da Saúde estipula que se a pessoa está dentro desses dois grupos deve priorizar a vacina da Covid e, após intervalo de 14 dias da aplicação da vacina da Covid, devee receber a vacina da influenza. É de fundamental importância quem faz parte desses grupos prioritários, buscar essa vacinação”, destaca Etevaldo.

A vacina da influenza previne contra 3 tipos de gripe: H1N1, H3N2 e Influenza B, também chamada de Influenza sazonal. A data prevista para o término da campanha é dia 9 de julho.

O público alvo da campanha de vacinação contra a Influenza inclui:

  • crianças de 6 meses a menores de 6 anos;
  • gestantes;
  • puérperas;
  • trabalhadores da saúde;
  • idosos a partir de 60 anos;
  • professores;
  • pessoas com comorbidades;
  • pessoas com deficiência permanente;
  • trabalhadores do transporte coletivo rodoviário e urbano;
  • população privada de liberdade;
  • funcionários do sistema prisional, forças de segurança e salvamento, forças armadas.

Quem faz parte desses grupos prioritários precisa comprovar nos pontos de vacinação . “Se é professor, por exemplo, tem que levar uma declaração da instituição de ensino, juntamente com um documento oficial com foto. No caso de comorbidades, apresentar algum laudo ou prescrição médica que comprova esta comorbidade”, explica o coordenador do programa de imunização.

Unidades Básicas abertas neste sábado (26)

  • UBS vereador Durval Costa – Walfredo Gurgel
  • UBS Raimundo Renê Dantas – Boa Vista
  • UBS Dr. Joaquim Saldanha – Estrada da Raiz
  • UBS Dr Cid Salém Duarte – Abolição IV
  • UBS Dr Sueldo Câmara – Aeroporto II (Quixabeirinha)
  • UBS Francisco Pereira de Azevedo – Liberdade I
  • UBS Agnaldo Pereira – Vingt-Rosado
  • UBS Dr José Fernandes de Melo – Lagoa do Mato
  • UBS Enfermeira Conchita da Escóssia – Abolição II
  • UBS Centro Clínico Evangélico Edgard Burlamaqui – Centro

Vacinação contra Covid- 19

Durante o fim de semana o município de Mossoró dará continuidade a vacinação contra a Covid-19. No sábado (26), o Ginásio do Sesi ficará aberto das 8h às 16h e no domingo (27) as doses serão aplicadas somente nas 10 unidades básicas de saúde.

Nesta sexta-feira (25), Mossoró deve receber 9.290 doses, de acordo com a nota técnica encaminhada pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). O município passará a contar com 4 tipos de imunizantes para combate a Covid: Pfizer, Janssen, Coronavac e Oxford/AstraZeneca.

“O município passa agora a avaliar a ampliação da faixa etária sem comorbidades. Também temos que ver a questão dos trabalhadores da indústria e da coleta de resíduos sólidos. O município vai fazer essa avaliação para ampliação também dos grupos prioritários”, explicou Etevaldo de Lima.

Mossoró ainda possui pessoas com doses em atraso. Mais de 900 pessoas que ainda não tomaram a 2ª dose da Coronavac e 433 pessoas que não procuraram as unidades para receber a 2ª dose da Astrazeneca .

Visualizações: 33

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *