Lula e FHC assinam nota conjunta em defesa do presidente da Argentina

Bolsonaro participou de pelo menos 84 aglomerações desde o início da pandemia
junho 5, 2021
Brasil registra 1.689 mortes e 66.017 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 h
junho 5, 2021

Lula e FHC assinam nota conjunta em defesa do presidente da Argentina

Lula e FHC se reuniram para um almoço no dia 21 de maio

Ouça a matéria aqui!

Os ex-presidentes Lula (PT) e Fernando Henrique Cardoso (PSDB) assinaram uma nota conjunta em apoio ao presidente da Argentina, Alberto Fernández. O argentino é contra a flexibilização da Tarifa Externa do Mercosul, medida defendida pelo ministro da Economia, Paulo Guedes. A informação é da Folha de S. Paulo deste sábado (5.jun.2021).

“Concordarmos com a posição do presidente da Argentina, Alberto Fernández, de que este não é o momento para reduções tarifárias unilaterais por parte do Mercosul, sem nenhum benefício em favor das exportações do bloco. Concordamos também que é necessário manter a integridade do bloco, para que todos os seus membros desenvolvam plenamente suas capacidades industriais e tecnológicas e participem de modo dinâmico e criativo na economia mundial contemporânea”, diz a nota.

APROXIMAÇÃO

Em 21 de maio de 2021, Lula e Fernando Henrique Cardoso encontraram-se para um almoço. A informação foi divulgada pelo perfil no Twitter do petista.

De acordo com a publicação, o encontro foi organizado pelo ex-ministro Nelson Jobim. “Os ex-presidentes tiveram uma longa conversa sobre o Brasil, sobre nossa democracia, e o descaso do governo Bolsonaro no enfrentamento da pandemia”.

Visualizações: 100

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *