Home Sem categoria Deputados divergem sobre origem dos recursos para compra de viaturas

Deputados divergem sobre origem dos recursos para compra de viaturas

Por AdrianoSantos
0 comentário 5 visualizações

Com a chegada de veículos para reforçar a segurança pública no RN, parlamentares discutem de onde partiu o dinheiro para comprar as viaturas.

A entrega de 34 novas viaturas policiais para reforçarem as ações de segurança pública no Estado, realizada pela governadora Fátima Bezerra (PT), gerou visões divergentes entre os parlamentares potiguares. Enquanto os aliados comemoravam a renovação dos equipamentos policiais, os deputados de oposição questionaram o fato da aquisição ter sido feita com recursos federais e cobraram mais investimentos próprios.

“Foram milhões de reais em investimentos do Governo Bolsonaro no Rio Grande do Norte e a governadora não diz que (os recursos) vieram do governo federal, ela insiste em dizer que é ela que está apoiando a segurança pública”, disse o deputado federal Girão Monteiro (PSL). Em desabafo, em uma rede social, ele disse que as “mentiras” são ditas por Fátima e os parlamentares da base aliada ao PT e disparou: “Aqueles colegas deputados que estão fazendo isso deveriam ter vergonha”.

O deputado estadual Eliabe Marques (Solidariedade) também destacou que todas as viaturas adquiridas até o momento pelo Estado foram com verbas federais, por meio de emendas parlamentares ou em parceria com a Secretaria Nacional de Segurança (Senasp). “O problema seria minimizado, ou talvez resolvido, se a governadora também fizesse a sua parte na aquisição das viaturas, pois mesmo com a chegada destes veículos, ainda existem cidades que estão sem viaturas, ou estão com veículos sem a mínima condição de uso no serviço policial”, afirmou.

No entanto, para o deputado estadual Francisco do PT, aliado de Fátima Bezerra, a aquisição das 34 novas viaturas, sendo 24 caminhonetes tipo 4X4 – que reforçarão o policiamento ostensivo em vários municípios do interior do Estado – é algo a ser comemorado. Assim como o anúncio de um novo concurso público para a Polícia Militar, com previsão para ofertar 800 vagas em 2022.

“Apesar de todas as dificuldades vivenciadas, a governadora tem dado uma atenção especial à questão da Segurança Pública, e eu acredito que devemos estar próximos de alcançar vitória nessas lutas históricas”, disse o parlamentar, acrescentando que, tanto a Fátima Bezerra quando a secretaria estadual, estão comprometidos em promover uma reformulação da segurança dos potiguares e que as viaturas “foram adquiridas com recursos federais e contrapartida do Estado”.

A deputada estadual Isolda Dantas (PT) também celebrou a renovação realizada na área e destacou que, apesar disso, ainda há muito o que se investir. “É importante registrar o quanto esse governo tem investido em segurança pública e o quanto ainda precisa investir”, disse.

Related Articles

Deixe um comentário