STTU lista pontos transitáveis e intransitáveis após fortes chuvas em Natal; confira

Vídeo: Motorista de carreta sem freio usa área de escape de rodovia e evita acidente
maio 13, 2021
ALRN aprova inclusão de trabalhadores em Educação na prioridade da vacina contra Covid
maio 13, 2021

STTU lista pontos transitáveis e intransitáveis após fortes chuvas em Natal; confira

Ouça a matéria aqui!

Natal registra fortes chuvas desde a noite de quarta (11). A chuva se estendeu pela madrugada e manda desta quinta (12) e causou vários pontos de alagamentos na capital. De acordo com o Cemaden, choveu 79 milímetros nas últimas 12 horas na cidade.

Além dos alagamentos em vias da capital, a água das chuvas invadiu casas em vários bairros.

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) listou pontos transitáveis e intransitáveis até às 9h20 desta quinta. Confira abaixo:

Pontos de alagamento intransitáveis

  • Rua Almino Afonso, próximo a igreja Bom Jesus
  • Avenida Ayrton Sena, após o supermercado Favorito, sentido Neópolis
  • Avenida Miramangue, próximo a escola municipal, Planalto
  • Rua Mossoró x Afonso Pena interditada devido ao alagamento intransitável
  • Acesso a Rua Almino Afonso interditado, devido a ponto de alagamento intransitável

Pontos de alagamento transitáveis

  • Avenida Nevaldo Rocha (antiga Bernardo Vieira), na altura da linha do trem próximo a Avenida Coronel Estevam, sentido Midway
  • Avenida Nevaldo Rocha (antiga Bernardo Vieira) em frente a Semtas, sentido Zona Norte
  • Avenida Integração, próximo a BR-101
  • Avenida Coronel Estevam x Antônio Basílio, sentido Alecrim
  • Avenida Senador Salgado Filho, na altura do Hotel Maine, sentido Centro
  • Avenida Prudente de Morais x Alexandrino de Alencar, em frente ao Corpo de Bombeiros sentido Zona Sul
  • Altura do viaduto do 4º Centenário
  • Avenida Lima e Silva, em frente a Arena das Dunas, sentido Oeste
  • Avenida Felizardo Moura, próximo a Compal, sentido Urbana
  • Avenida Capitão Mor Gouveia x Avenida Adolfo Gordo, Cidade da Esperança
Visualizações: 133

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *